[ editar artigo]

INVESTIMENTO EM OURO

INVESTIMENTO EM OURO

Uma carteira de investimentos bem diversificada é uma excelente estratégia para qualquer tipo de investidor. Ela envolve incluir diversos tipos de investimento no seu portfólio, buscando, inclusive, uma boa descorrelação entre eles. As commodities podem ajudar nisso, estando o ouro entre elas.

 

Fatores que influenciam o preço do ouro: O cenário econômico pode causar um impacto considerável no preço do ouro. Veja, por exemplo, a crise econômica ocorrida em razão da pandemia de Covid-19 em 2020. Quando o vírus se espalhou por grande parte do planeta, o medo e o pessimismo aumentaram bastante. Isso fez com que muito investidores não aplicassem mais em ações, vendendo muitas delas com prejuízo. Ao fazer isso, muitos começaram a investir no ouro. Isso fez o ouro se valorizar 55,9% em 2020 – uma valorização muito interessante.

 

Mas por que isso aconteceu? Simples: nos períodos de crise, os investidores recorrem a investimentos mais seguros, como é o caso do ouro. E isso faz o metal se valorizar.

 

Contudo, vimos no passado que, em momentos de águas calmas, é natural que o ouro se desvalorize um pouco, pois nestes períodos os investidores investirão em aplicações mais agressivas/arriscadas.

 

O dólar pode impactar o preço do ouro, uma vez que o metal é cotado de acordo com a moeda americana. Assim, se o preço do ouro se mantém e o dólar cai, a cotação em reais também cai. Se o ouro se mantém e o dólar sobe, a cotação do metal na bolsa brasileira também sobe.

 

Investidores mais conservadores podem não tolerar essa volatilidade, o que reforça a importância de considerar o seu perfil de investidor antes de investir.

 

Para saber se vale a pena investir no Ouro, o investidor deve analisar as suas vantagens e as desvantagens.

 

1) Vantagens: o ouro é um investimento que oferece segurança. O motivo é que ele é um bem finito, ou seja, não é possível fabricar mais ouro. É diferente do valor do real, por exemplo, cujo valor é apenas nominal. Esse atributo torna o metal um investimento seguro. O investidor não pode esquecer que ele está atrelado ao dólar. Dessa forma, parte da volatilidade é causada pela variação no preço da moeda americana. No entanto, quando se considera o valor do metal no decorrer de vários anos, é possível perceber uma valorização consistente. Desse modo, o ouro pode ajudar você a atingir certos objetivos específicos. Por exemplo, se sua intenção é se preparar para uma época de crise, o investimento em ouro pode oferecer certa proteção. O outo pode ser interessante para objetivos de longo prazo.

 

2) Desvantagens: O ouro apresenta volatilidade no curto prazo. Assim, ele pode estar valendo menos caso você decida se desfazer do seu investimento. Por isso, é importante visar o longo prazo para colocar ouro na sua carteira de investimentos. Não esqueça também que o ouro oscila no mercado e não tem cobertura do FGC (Fundo Garantidor de Crédito). Isso reforça a importância de você considerar o seu perfil de investidor para tomar a sua decisão.

 

Sempre considere as vantagens e desvantagens de se investir em ouro juntamente com o seu perfil e os seus objetivos. Assim, o investidor terá sempre mais chances de montar uma carteira de investimentos que tenha boa rentabilidade para que ele alcance seus objetivos de vida!

 

Faça como nossos clientes: com determinação e disciplina, as suas conquistas financeiras serão alcançadas!

 

Gostou do artigo e quer ajuda no seu planejamento financeiro? Nós da GFAI Planejamento Financeiro podemos te ajudar!

 

Saiba mais em: www.gfai.com.br/pf

 

https://gfai.com.br/rogeriobrandao/

 

 

Comunidade de Planejadores Financeiros
Rogério Brandão
Rogério Brandão Seguir

Planejador Financeiro (Pessoal e Familiar) Sou o GPS da sua Vida Financeira! Te mostro onde você está (na sua vida financeira) e quais os melhores caminhos para você atingir seus objetivos de vida!​

Ler conteúdo completo
Indicados para você