A comunidade está de cara nova!
Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

O QUE SABER PARA COMEÇAR A INVESTIR EM AÇÕES

O QUE SABER PARA COMEÇAR A INVESTIR EM AÇÕES
Rogério Brandão
fev. 18 - 9 min de leitura
0 Curtidas
0 Comentários
0

Conceito de Ações. Ações são uma parte de uma empresa de capital aberto (ou fechado). Dessa forma, quando você compra uma ação, está comprando uma parte daquela empresa (e não emprestando dinheiro para ela). Você está se tornando em um acionista dessa empresa, com a porcentagem correspondente às ações que comprou. Em outras palavras, você será dono dessa porcentagem que comprou por meio de ações na bolsa de valores.

 

O que é uma Oferta Pública Inicial? Algumas vezes uma empresa precisa captar recursos financeiros para investimentos e expansão de suas atividades. Uma dessas forma de captação é abrindo seu capital (em vez de, por exemplo, tomar empréstimo). Abrir o capital significa a empresa disponibilizar suas ações na bolsa. O primeiro passo é fazer uma IPO (Oferta Pública Inicial), onde possíveis investidores poderão reservar as ações disponibilizadas antes mesmo da oferta.

 

O que são Dividendos? Pois bem, você comprou ações de determinada empresa e, agora que virou acionista dela, você tem dinheiro a receber parte dos seus lucros. Via de regra, lucros repartidos são de um mínimo 25% do lucro líquido. Esse valor é depois dividido por todas as ações, pagando o correspondente a cada um dos acionistas. O pagamento é acordado quando compra as ações. Pode ser mensalmente, trimestralmente ou mesmo semestralmente. O valor dos dividendos é depositado diretamente na conta do acionista e, aqui talvez seja a melhor parte: os dividendos não são tributados. Importante deixar claro que só são distribuídos dividendos caso a empresa tenha lucro.

 

Bolsa de valores e Índice. A Bolsa de valores é o local onde as ações das várias empresas são negociadas. É a partir da bolsa de valores que os investidores conseguem comprar e vender ações. O investimento em ações não se dá de forma direta na bolsa de valores, mas com intermediadores, como bancos, instituições financeiras ou corretoras. O índice Bovespa é o principal indicador da bolsa, onde estão as empresas com maior liquidez.

 

MERCADO

O que é Mercado primário e secundário? Ao abrir capital, como vimos acima, a empresa faz sua primeira oferta através do IPO e essa oferta é negociada no mercado primário. Depois que as ações são negociadas e adquiridas por seus primeiros acionistas, estes poderão negociar tais ações no chamado mercado secundário, que é o mercado onde mais de um comprador poderá adquirir a ação de quem comprou primeiro. Em resumo: o primeiro compra ações diretamente da empresa, enquanto o segundo compra tais ações do primeiro comprador.

 

Quantidade padrão e fracionária. Você não precisa ser rico, milionário para comprar ações. A verdade é que não precisa de muito dinheiro para começar seus investimentos na bolsa de valores. Desta forma, existem dois tipos de compra de ações de acordo com as quantidades a adquirir:

  • Padrão – Tem um limite mínimo de compra de 100 ações
  • Fracionária – Tem um limite mínimo de compra de apenas 1 ação
 
Tipos de ações que existem. São 2 (dois) tipos de ações que existem no mercado financeiro: as ordinárias e as preferenciais. As ações ordinárias são aquelas que permitem que os acionistas votem em Assembleia. As ações preferenciais não dão direito a voto aos acionistas. Os dividendos também tendem a ser diferentes. Geralmente, as ações preferenciais rendem mais dividendos do que as ações ordinárias.
 
COMPRA E VENDA
Análise fundamentalista e técnica. Relembrando que quando você compra uma ação de uma determinada empresa, está comprando uma parte dela (assim, se a empresa não tiver bons resultados, você também não terá lucros), tenha em mente que não basta comprar uma ação para você lucrar com isso. Você precisa fazer uma análise séria da empresa para saber se poderá ser um bom negócio, ou não; e são vários os fatores que influenciam na variação das ações da empresa. Existem duas formas de fazer essa análise: fundamentalista e técnica. Na análise fundamentalista, o que se busca é saber a situação da empresa, tais como seus resultados, sua governança, notícias, acontecimentos, dentre muitos outros. Na análise técnica, o fosse tende a ser a busca pelo melhor preço para fazer uma operação baseada em seu histórico de preços, preço atual, tendências, dentre muitos outros. Não existe análise certa/errada ou a melhor/pior. Por isso, é importante que você verifique qual é a análise que mais se identifica com você, com o seu perfil de investidor, podendo, inclusive mesclar as duas análises.
 
 
O que são as Casas de análise? As chamadas Casas de análise são empresas que publicam conteúdo relacionado ao mercado financeiro e fazem análises com profissionais certificados para desmobilizar para seus clientes por meio de relatórios. Tais relatórios são disponibilizados por meio de assinaturas. Trata-se de um serviço que é pago, pois existem profissionais qualificados trabalhando duro para entregarem os relatórios de análise. No entanto, é importante estar ciente que mesmo uma casa de análise pode errar, uma vez que o mercado de ações é imprevisível em determinados momentos (vejam o que houve em 2020). Algumas casas de análise para pesquisar, caso tenha interesse: Empiricus, Suno, Eleven, Levante.
 
Conceito de “Day Trade”. Podemos entender o “day trade” como a compra e venda de ações no mesmo dia. Em outras palavras você compra uma ação hoje e vende hoje mesmo! Existem muitos investidores que ganham a vida trabalhando com “day trade”, uma vez que as ações têm variações durante todo o dia de operação.
 
IMPORTANTE: Day trade é recomendado somente para investidores com bons conhecimentos, psicológico equilibrado e consciente, preparados e com muita experiência!
 
Taxas envolvidas na compra e venda de Ações. As corretoras e bolsa de valores cobram algumas taxas na operação de compra e venda de ações, como emolumentos, no caso da B3, e corretagem, no caso das corretoras, mas não são todas as corretoras que cobram esta taxa. Mas tenha cuidado, mesmo tendo a possibilidade de comprar uma ação, evite comprar poucas ações, busque sempre comprar pelo menos acima de 4 ações. Também escolha uma corretora que tenha uma taxa de corretagem com valor baixo.
 
Imposto de renda. Aqui todo o investidor deve ficar atento, pois os investimentos em ações também são tributados! Mas isso não pode impedir de comprar ações, até porque a tributação é de 15% sobre o lucro líquido em operações feitas depois de um dia de compra e 20% em day trade. A tributação de 15% só é feita caso a operação ultrapasse o valor de 20 mil reais em um mês para pessoa física! Melhorou né? Caso você faça uma operação maior que o limite para ficar isento, será necessário você mesmo fazer o recolhimento para pagamento por meio de DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) e pago até ao último dia útil do mês seguinte. Por essa razão, você que está começando, sugerimos que você deva evitar fazer day trade. E lembre sempre de ter uma reserva para não precisar do dinheiro que usou para comprar ações.
 
ALGUMAS BREVES OBSERVAÇÕES:
1) Invista somente após você atingir equilíbrio financeiro. Recomendamos sempre aos nossos clientes que considerem investir em ações somente quando tiver atingido o equilíbrio financeiro, já que é nesse nível que sua vida financeira está estável. Portanto, sugerimos que você primeiro organize suas finanças com um orçamento, quite todas as dívidas e forme uma boa reserva de emergência (vejam nossos artigos no site sobre investimentos).

 

2) Médio e longo prazo. Também sempre recomendamos aos nossos clientes que investem sempre pensando em médio e longo prazo, pois ações de empresas bem analisadas e recomendadas têm grandes chances de se valorizarem ao longo do tempo. O tempo lhe trará experiência e, podemos dizer que após alguns investimentos, perceberá que investir será super natural na sua vida financeira.
 
Faça como nossos clientes: com determinação e disciplina, as suas conquistas financeiras poderão ser cada vez melhores!
 
Gostou do artigo e quer ajuda no seu planejamento financeiro? Nós da GFAI Planejamento Financeiro podemos te ajudar!
 
Saiba mais em: https://gfai.com.br/rogeriobrandao/

Denunciar publicação
0 Curtidas
0 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você