A comunidade está de cara nova!
Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Os principais motivos para fazer sua Reserva de Emergência

Os principais motivos para fazer sua Reserva de Emergência
Rogério Brandão
fev. 4 - 3 min de leitura
0 Curtidas
0 Comentários
0

Você sabe o que é e para que serve a Reserva de Emergência?

 

É caixa n° 1 dos seus investimentos. É um dinheiro que você deverá separar caso algum tipo de emergência aconteça com você.

 

Por isso, a Reserva de Emergência deve ser o seu primeiro objetivo ao estruturar a sua estratégia de investimentos, antes de colocar o seu dinheiro em ativos mais arriscados que deverão te dar um retorno maior (no longo prazo).

 

Portanto, é vital que você tenha em mente que precisa (sim precisa!) estar protegido contra qualquer situação (não prevista) que possa acontecer de forma repentina.

 

Com uma Reserva de Emergência você consegue se proteger de situações difíceis e não esperadas, tais como: (i) a perda de um emprego; (ii) um acidente ou mesmo problemas de saúde; (iii) manutenção (não prevista) do carro ou da casa. E aqui é a parte “legal” de se ter uma Reserva de Emergência, isso tudo sem precisar correr atrás de um financiamento ou gerar uma dívida alta para cobrir essa necessidade.

 

Não tenha dúvida de que imprevistos ocorrerão e, quando ocorrerem, você estará mais tranquilo (financeiramente) se já tiver enchido a sua Caixa da Reserva de Emergência. Então é de suma importância montar com enorme velocidade uma Reserva de Emergência para estar seguro de qualquer perigo que possa acontecer.

 

Vamos a (alguns) motivos para você já começar a encher sua Caixa da Reserva de Emergência:

 

  1. Proteger a sua família em caso de perder o emprego;

 

  1. Ter uma reserva para a saúde da sua família;

 

  1. Evita que você perca dinheiro, pois não precisará vender outros investimentos durante os mercados em baixa;

 

  1. Permite que você evite multas e impostos por ter que sacar dinheiro de contas de aposentadoria muito cedo;

 

  1. Reduz o estresse, o que aumenta a saúde e o bem estar; e

 

  1. Evita brigas e problemas relacionados ao dinheiro, pois você estará se planejando para que ele não faça falta.

 

Importante! Os investimentos da sua Reserva de Emergência terão que ter: (i) Alta Liquidez (deve “cair” logo na sua conta corrente” – em, no máximo, 1 dia) e (ii) Baixo Risco. E você deve calcular de 3 a 12 meses de contas pagas, levando em consideração os seus custos variáveis e os seus gastos com lazer.

 

Comece ainda hoje a “construir” a sua Reserva de Emergência evitando assim que imprevistos te levem ao endividamento!

 

 

Faça como nossos clientes: com determinação e disciplina, as suas conquistas financeiras poderão ser cada vez melhores!

 

Gostou do artigo e quer ajuda no seu planejamento financeiro? Nós da GFAI Planejamento Financeiro podemos te ajudar!

 

Saiba mais em: https://gfai.com.br/rogeriobrandao/


Denunciar publicação
0 Curtidas
0 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você